Últimas Resenhas

quarta-feira, 23 de novembro de 2016

Projeto Escolar -Romantismo no século XIX

Oii pessoal,
 Minha escola está com um projeto maravilhoso (além de ser voltado a literatura,ainda vale de 5 a 10 pontos) um SARAU LITERÁRIO SOBRE O ROMANTISMO NO SÉCULO XIX.
Além de termos que vestir aquelas roupas maravilhosas de época, vamos falar sobre poesia, livros e danças do século XIX. Hoje durante um dos ensaios ( O sarau ocorre no dia 23\11\2016) prestei atenção no desfile, o casais eram formados por personagens principais dos livros que tem grande importância na literatura brasileira, resolvi então trazer alguns títulos para vocês, a maioria todo mundo já leu aqui, seja em projeto da escola, para fazer provas ou então só por curiosidade, eu não li todos, porém conheço alguns.Irei falar brevemente dos livros, pois pretendo depois postar uma resenha de cada um deles
Resultado de imagem para A Moreninha

Título: A Moreninha
Autor (a): Joaquim Manoel de Macedo 
Editora: Editora Ática
Ano: 1996 (Por essa editora, a primeira publicação ocorreu em 1884)
Com uma enorme diversidade de capas,escolhi essa que é uma das minhas favoritas.

A Moreninha é um romance de autoria do escritor brasileiro Joaquim Manuel de Macedo (1820-1882), publicado em 1844. Essa obra marca o início da ficção do romantismo brasileiro. Esse livro faz parte da fase do romantismo no Brasil, e tem grande sucesso ainda nos dias de hoje..Escrito no mesmo ano que Joaquim Manuel de Macedo se formou em medicina, esta obra rendeu-lhe fama de forma tão intensa que o levou a abrir mão da carreira médica para dedicar-se exclusivamente à literatura e ao jornalismo.
Enredo :
Quatro estudantes de Medicina (Filipe, Leopoldo, Augusto e Fabrício) passam o feriado na casa da avó de um deles, na ilha de Paquetá. Um deles apostou que se ficasse apaixonado por uma mulher por mais de quinze dias, escreveria um romance contando a história desta paixão. A partir daí, conhece Carolina (a Moreninha ) por quem se apaixona.O único obstáculo à união dos dois é a promessa de fidelidade feita pelo estudante a uma menina que conhecera na infância e cujo paradeiro e identidade desconhecia. Porém, esse empecilho é resolvido no final do livro, causando surpresa aos leitores e personagens do enredo.

Resultado de imagem para iracema josé de alencar capa original

Título: Iracema
Autor (a): José de Alencar
Editora: Editora Ática
Ano: 1865 (Primeira publicação)
Numero de páginas: 112
Com uma enorme diversidade de capas,escolhi essa que é uma das minhas favoritas.


Publicado em 1865, Iracema, obra de José de Alencar, faz parte da tríade dos romances indianistas (juntamente com O Guarani e Ubirajara), sendo considerado o mais maduro deles, pois admite várias interpretações, com uma excelente estrutura narrativa. É considerado um poema em forma de prosa, com características épicas, em que tanto Martim como Iracema são heróis. Iracema é uma típica heroína que representa o romantismo: espera o amado, se entrega a ele, fica com saudades, e morre por essa saudade.Iracema, na obra, representa a cultura indígena, e possui uma postura submissa a Martim, representando assim o ideal de submissão que o índio teria ao branco. Apesar de ser incomum na cultura indígena, Iracema se mantém casta até o encontro com Martim. Não poderia ser diferente, já que seria inaceitável um branco se casar com uma índia que não fosse casta, segundo as tradições religiosas. Se por um lado Iracema representa todo o imaginário indígeno, Martim traz a figura do branco colonizador, que é também guerreiro, assim como o índio, e igualmente forte, se comparado a ele. Além disso, fica dividido entre a cultura branca e indígena; ao se afastar da sua cultura, sente falta dela. Essa saudade que Martim sente de sua tribo é o  motivo que o leva a se manter distante de Iracema, durante o desenrolar da trama.

Imagem relacionada

Título: Diva
Autor (a): José de Alencar
Editora: Editora Ática
Ano: 1996 (Publicação pela editora)

Diva é um dos romances do escritor brasileiro José de Alencar. Foi publicado em 1864.Diva narra a história de Emília Duarte. O narrador, em primeira pessoa, é o homem que a ama, Augusto Amaral. Emília é uma adolescente muito retraída e tem aversão a que estranhos a toquem. Uma enfermidade a leva quase à morte. É chamado um médico recém-formado, colega de seu irmão, Dr. Augusto Amaral. Augusto dedica-se a Emília, mas ela se recusa a ser tocada e não o deixa sequer entrar no quarto. Apesar de tudo, Augusto consegue salvar a moça, o que faz com que ela o odeie, temendo que ele exija sua amizade como recompensa. Seguem-se várias discussões e brigas entre os dois, onde se revela o caráter de Emília, extremamente instável e voluntariosa. Augusto acaba apaixonando-se por Emília, mas as atitudes dela são tão incertas que acabam por levá-lo ao desespero. Ao final tudo se reequilibra e termina bem, quando Emília revela seu amor pelo médico. No final do Capitulo III, a personagem Emília é comparada a uma Vênus moderna, a diva dos salões, explicando assim o título do livro: Diva.

Resultado de imagem para noite na taverna alvares de azevedo

Título: Noite na Taverna
Autor (a): Alvares de Azevedo
Editora: Editora Globo
Ano: 1855 (Primeira publicação)

Noite na Taverna é uma antologia de contos do autor ultrarromântico brasileiro Álvares de Azevedo sob o pseudônimo Job Stern. Foi publicada postumamente, em 1855; três anos após a morte de Azevedo. O livro é estruturado como uma narrativa moldura contendo cinco contos (e também um prólogo e um epílogo, totalizando assim sete capítulos) narrados por um grupo de cinco rapazes se abrigando em uma taverna. É um dos mais populares e influentes trabalhos da ficção gótica na literatura brasileira.

Resultado de imagem para a escrava isaura bernardo guimaraes


Título: Escrava Isaura
Autor (a): Bernado Guimarães
Editora: Tantas por ai
Ano: 1875 (Primeira publicação)
A Escrava Isaura é um romance de Bernardo Guimarães que teve sua primeira edição publicada em 1875, pela B.L. GarnierRio de Janeiro. Com o romance, Bernardo Guimarães obteve fama, sendo reconhecido até pelo imperador do Brasil, Dom Pedro II. Eu acho realmente, que não preciso falar sobre o enredo dessa historia, que já ganhou filme, novela, séries, enfim, quem não conhece, se mata.


Resultado de imagem para a mão e a luva machado de assis

Título: A mão e a luva
Autor (a): Machado de Assis
Editora: Tantas por ai
Ano: 1874 (Primeira publicação)
A Mão e a Luva é o segundo romance escrito por Machado de Assis, publicado em 1874.Conquanto se trate de uma "história de amor" — de uma mulher de personalidade forte, Guiomar, assediada por três pretendentes a marido — enquadrada na fase "romântica" do autor, em vez dos recursos clássicos do romantismo — enredos rocambolescos, plenos de coincidências, reviravoltas,surpresas, suspenses.

Enredo:
O enredo conta a história de Guiomar, uma moça que no início da história (quando Estêvão se apaixona pela primeira vez por ela) está com 17 anos, afilhada de uma baronesa, "criaturinha galante e delicada, assaz inteligente e viva, um pouco travessa" e que deseja ascender socialmente. Ela é disputada por três homens: Jorge, Estêvão e Luís Alves. Estêvão "logo a amou, como se ama pela primeira vez na vida - amor um pouco estouvado e cego, mas sincero e puro", porém é um caráter fraco, vacilante, indeciso, nascido mais para derrotas do que para vitórias. Jorge, sobrinho e preferido da baronesa, "vivendo do pecúlio que dos pais herdara e das esperanças que tinha na afeição da baronesa", tem um amor "pueril e lascivo", como descreve o próprio Machado de Assis. Luís Alves começa a admirar Guiomar apenas depois, com o passar do tempo. Porém, é um meio-termo entre os dois primeiros, pois ele é um homem resoluto e ambicioso. Jorge, com o apoio da baronesa e de sua governanta inglesa, Mrs. Oswald, pede a mão de Guiomar. No dia seguinte, Luís Alves faz o mesmo. Então, a baronesa pede a Guiomar que se decida entre os dois pretendentes ("escolhe com plena liberdade aquele que te falar ao coração"). Guiomar diz que escolhe Jorge, porém a baronesa sabe que a afilhada quer casar-se com Luís Alves. Depois, Guiomar e Luís Alves casam-se e o trecho final do livro justifica seu título:
— Mas que me dá você em paga? Um lugar na Câmara? Uma pasta de ministro?
— O lustre do meu nome, respondeu ele.
Guiomar, que estava de pé defronte dele, com as mãos presas nas suas, deixou-se cair lentamente sobre os joelhos do marido, e as duas ambições trocaram o ósculo fraternal. Ajustavam-se ambas, como se aquela luva tivesse sido feita para aquela mão.

Então, essas são algumas das obras que chamam bastante minha atenção,apesar de não ter lido algumas, apenas estudado sobre elas. Nessas férias lerei algumas com bastante calma e postarei uma resenha sobre ela e outras,também quero postar algumas poesias do romantismo que não é bajulando nenhum autor, porém Castro Alves arrasa. Os créditos desse post todo vai para o GOOGLE, pois não irei lembrar de cada site que tirei tudo, e as imagens e tudo mais, enfim.Espero que gostem desse post, E quais foram desses livros que vocês já leram ? O que acham sobre o romantismo ?

19 comentários:

  1. Olá, primeiramente parabéns pelo blog, adorei o visual e a organização, tudo perfeito!

    Quando vejo uma lista com esses clássicos maravilhosos eu fico muito contente e com aquela vontade de reler todos. Parabéns por ter esse pensamento literário tão amplo e coerente, mesmo jovem você não deixa os nossos clássicos de lado como fazem tantos por aí.

    Vou acompanhar teu blog e esperarei ansioso pelas resenhas.

    Beijos e boa sorte com o projeto escolar. Tua escola também merece os parabéns pela ideia tão singular.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Leo.
      Me sinto muito bem ao saber que você gostou do visual do meu blog ❤
      O projeto escolar se saiu muito bem e foi bastante elogiado, farei um post algumas fotos kkk
      Muito obrigado por sua visita, eu admiro seu blog. Beijos

      Excluir
  2. Que fofo
    Eu amoo sarau literário
    Seguindo seu blog ja
    Bjinhos
    naosouapenaslouca,blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Queila.
      Obrigada por sua visita, espero um volte aqui mais vezes.
      Beijos

      Excluir
  3. Oi Loysla, tudo bem?

    No meu colégio também tinha um projeto desses e eu amava. Das obras citadas, já li "A Moreninha", "Iracema" e "A Escrava Isaura", mas o primeiro é o meu xodozinho *-*

    Beijos,

    Gnoma Leitora

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Alice, estou muito bem.
      Adoro esses projetos escolares o meu xodo é "Diva".
      Espero que visite o blog mais vezes,adoro muito seu blog.
      Beijos

      Excluir
  4. LOYSLA!
    Acho importante as escolas estarem incentivando de alguma forma a leitura, mesmo que sejam obrigatórias; porém, nossos autores nacionais clássicos são sempre uma experiência inovadora e nos ensinam demais.
    Não li apenas Diva, mas todos os outros já fiz leitura e gostei muito, o século XIX foi rico em bons escritores.

    Obrigada pela visita feita ao blog e volte sempre que desejar.
    Sigo por aqui para acompanhar suas novidades.

    “Todo o nosso saber se reduz a isto: renunciar à nossa existência para podermos existir.” (Johann Goethe)
    cheirinhos
    Rudy
    http://rudynalva-alegriadevivereamaroquebom.blogspot.com.br/
    TOP Comentarista de NOVEMBRO com 3 livros + BRINDES e 3 ganhadores, participem!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Rudynalva.
      Na minha opinião o Romantismo foi a melhor escola literária.
      Minha professora de literatura é uma ótima pessoa e a minha maior incentivadora.
      Agradeço por sua visita e espero que que volte aqui sempre.
      Beijos

      Excluir
  5. Olá, muito bom esse projeto da sua escola, amo as roupas de antigamente são lindas. Conheço e já li vários livros citados, A Moreninha e a Escrava Isaura são os que mais gostei de ler. Parabéns pelo blog!!!

    www.mundofantasticodoslivros.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Camila.
      As roupas vitorianas são simplesmente magníficas,porém, não recomendo o uso delas kkkkk
      Amo Amoa escola literária e tudo sobre o século XIX.
      Obrigada por sua visita e espero que volte aqui ❤ Amo seu blog!!
      Beijos

      Excluir
  6. Olá, tudo bem?
    Que projeto maravilhoso! Gostaria que minha escola tivesse tido algo parecido mas enfim...Não li muitos desses que você gostou então já espero pela resenha.
    Beijos!

    Http://excentricagarota.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Esther, estou bem sim.
      Postarei a resenha em breve.
      Obrigada por sua visita e espero que volte aqui sempre ❤
      Beijos

      Excluir
  7. Oii Loysla
    que poste legal,livros do tempo antigo são muito bons. Sucesso com o blog!

    Abraços;**
    http://febredelivro.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Maria Cecilia.
      Obrigada ❤
      Volte aqui sempre.
      Beijos

      Excluir
  8. Oi, Loysla! Tudo bem?
    Nossa, que projeto legal! Assumo que não consigo ler esse tipo de livro clássico. De alguma maneira, não desce. Mas mesmo assim, achei muito interessante a iniciativa da escola, porque, acima de tudo, é importante ressaltar a literatura clássica brasileira.
    Adorei o post.
    Bjs!

    -Ricardo, Lapso de Leitura

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, estou muito bem.
      Sim, o projeto é maravilhoso. Eu tive um pouco de dificuldade quando comecei a ler esse tipo de livro, porém comecei a ler bastante cedo, e me acostumei. A literatura brasileira é muito importante.
      Obrigada por sua visita e espero que volte sempre aqui ❤
      Beijos

      Excluir
  9. Ooi Loysla, tudo bom??
    Romantismo melhor momento da literatura <3 Que saudades de ler esses livros e fazer vários teatrinhos em sala, que demais que você fará um sarau \o/
    A Moreninha é o meu favorito da lista <3 Iracema também é ótimo mas não curti o final, Noite na Taverna A M O, super bizarro HSUAHSU Mas o meu romance favorito da escola foi Cinco Minutos, que livro maravilhoso <3
    Beijoos,
    Sétima Onda Literária

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oiii Mandy, estou bem.
      O século XIX é magnífico.
      Obrigada por sua visita e eu amo seu blog ❤
      Beijos

      Excluir
  10. Ahhh eu adoro o Romantismo, muito mais que qualquer outra escola literária! da lista só não conheço Diva, muito bem lembrado! Preciso ler em breve!

    Bjs, Mi

    O que tem na nossa estante

    ResponderExcluir

Leia aqui antes de comentar <3
1. Sem palavrões ou palavras de baixo calão
2. Seja educado se quer ser respondido com educação
3. Sigo os blogs que eu acho legais
4. Não discuto sobre religião, time, e outros
5. Coloque o link do seu blog no final do comentário, pois sempre visito e retribuo os comentários
6. Se for comentar em Anônimo, por favor, coloque seu nome no final
Obrigada pela atenção, espero que tenha gostado do blog e volte sempre!
Loysla :)